Como adquirir máquina de cartão de crédito?

Ter uma máquina de cartão de crédito é algo que pode alavancar os seus negócios. Pois, na atualidade, é muito comum que clientes queiram pagar com crédito ou débito.

Também não importa sua área de atuação, a maquininha com certeza será útil.

Mas, muitas pessoas que trabalham como autônomos podem estar perdendo vendas por não oferecer essa opção de pagamento aos seus clientes.

Mas, já se foi o tempo onde apenas grandes lojas possuíam máquinas de cartão. Hoje, os diversos modelos existentes e sua grande popularização permite que você possa ter uma, mesmo trabalhando por conta própria.

adquirir máquina de cartão de crédito
Reprodução

Quem pode ter?

Atualmente, qualquer pessoa que possua um negócio, mesmo que não seja regulamentado, pode adquirir uma máquina de cartão de crédito.

Pois, o serviço tornou-se tão comum que hoje é possível pedir o seu modelo preferido pela internet e receber no conforto de seu lar.

Então, também não é obrigatório ter um CNPJ ou um ramo de atuação específico.

Mesmo que o seu negócio seja familiar, trabalhando para vender coxinhas em sua rua, por exemplo, é possível adquirir uma máquina e passar cartões.

Contudo, quando você tem uma atividade regulamentada, mesmo que seja como MEI, será possível obter mais benefícios e um melhor respaldo de instituições financeiras, caso seja necessário.

Além disso, é muito importante verificar se o seu negócio realmente precisa de uma máquina. Para isso, você deve observar a quantidade de clientes, o preço dos serviços e mercadorias e o perfil de pagamentos desses clientes.

Pois, se a venda através da maquininha ocorrer esporadicamente, talvez não seja tão interessante investir em uma.

Qual a melhor do mercado?

Definir qual é a melhor máquina de cartão do mercado não é uma tarefa fácil, pois o grande número de fabricantes e a grande variedade torna muito difícil escolher um modelo específico e cravá-lo como o melhor.

Na verdade, essa definição se impossibilita sem levarmos em consideração um detalhe muito importante: o gosto pessoal de cada um.

Pois, na hora de fazer sua escolha, você deve levar em consideração diversos critérios: taxas cobradas, quantidade de cartões aceitos, se imprime ou não comprovantes, etc.

Diante deste contexto, o gosto pessoal de cada um vai pesar muito na escolha. Por exemplo, alguns irão preferir uma máquina menor e mais compacta, não se importando se ela faz a impressão de comprovantes.

Outros já vão gostar de ter essa opção para oferecer aos clientes.

máquina de cartão de crédito

Documentos necessários

A verdade é não haver uma regra específica dos documentos exigidos na hora de pedir uma máquina de cartão de crédito, nem mesmo quando se trata de um trabalhador autônomo.

Pois, o fornecedor tem o poder de definir suas próprias regras. Mas, de maneira geral, você deve separar o maior número de documentos possíveis, incluindo os citados abaixo:

  • Carteira de identidade;
  • CPF;
  • CNPJ, se possuir. Alguns fornecedores pedem algum documento que comprove a atuação em determinado ramo de trabalho. Muitas vezes uma simples nota fiscal ou um relatório de vendas já é o suficiente.

Melhores opções

Já dissemos que não é possível definir qual é a melhor máquina de cartão de crédito do mercado, mas montamos uma lista com as principais opções:

  • Moderninha Pro: esta máquina do PagSeguro é extremamente completa e aceita diversos cartões. Ela não tem mensalidade e possui um ótimo custo/benefício;
  • SumUp Total: dentre as vantagens dessa maquininha temos o atendimento ágil e transparente, uma das menores taxas do mercado e uma das opções mais baratas a imprimir comprovantes;
  • Cielo Flash: esta máquina tem fama de ser muito rápida e extremamente completa. Ela é capaz até mesmo de fazer recargas de celular e leituras de QR Code. Além disso, os pagamentos podem ser recebidos em qualquer conta.

Cuidados importantes

Sem dúvidas, uma máquina de cartão de crédito ajuda um autônomo a vender mais. Contudo, ao adquirir a sua, é importante tomar alguns cuidados:

  • Leia o contrato de prestação de serviços e fique de olho na garantia e nas taxas cobradas;
  • Pense em qual maquininha se adapta melhor ao perfil de cliente que você quer atingir;
  • Ao usar sua maquininha, sempre tenha muito cuidado com os valores digitados.

Conclusão

Definitivamente, não há grande burocracia para adquirir uma máquina de cartão de crédito, já que mesmo pessoas físicas podem ter uma.

Mas, na hora de fazer a aquisição, sempre leve em consideração a real necessidade do seu negócio e também as características de cada modelo.

As diversas opções disponíveis no mercado aumentaram a concorrência, e criaram um cenário muito propício para os autônomos terem suas maquininhas.

Então, com um pouco de pesquisa é possível conseguir ótimas condições.

Avatar of Júlio Gonsalves

Júlio Gonsalves

Graduado em Letras Português/Inglês. Trabalho como professor, escritor e redator de vários portais.