Técnicos na Copa do Mundo que já foram craques em outras copas

Entender a sensação de estar em uma Copa do Mundo pode ser um diferencial para quem retorna a um Mundial como técnico de seleção.

Em 2022, dez dos 32 treinadores já participaram da competição anteriormente como atletas. Desta lista, dois já anotaram gols e um já teve a honra de levantar a taça de campeão mundial. 

Sendo assim, o torcedor pode considerar esse fator ao realizar suas apostas online nos jogos do Mundial no site da Bolla, uma marca que está chegando com força no Brasil.

A plataforma da Bolla promete uma experiência muito mais imersiva para os seus clientes. Basta se cadastrar, desfrutar as vantagens e começar a se divertir!

Técnicos na Copa do Mundo
Foto: Reprodução / Site Fifa.com

Conheça, abaixo, as histórias dos técnicos já disputaram a Copa do Mundo como jogadores:

Didier Deschamps – França (1998)

O ex-volante foi capitão da França na conquista em casa, marcada pela vitória sobre o Brasil. Duas décadas depois, Deschamps também venceu como treinador – algo que apenas Zagallo e Franz Beckenbauer haviam conseguido antes, respectivamente por Brasil e Alemanha.

Luis Enrique – Espanha (1994, 1998 e 2002)

O ex-atacante espanhol anotou dois gols em Copas e ficou marcado por um lance nas quartas de final de 1994, nos Estados Unidos.

Lionel Scaloni – Argentina (2006)

O ex-lateral foi campeão com a Argentina no Sub-20 de 1997 e, tempo depois, participou de um dos jogos mais emocionantes da Copa do Mundo de 2006.

Gareth Southgate – Inglaterra (1998 e 2002)

O ex-zagueiro jogou pouco com a seleção inglesa em Copas, mas depois obteve um histórico quarto lugar em sua estreia como treinador, no Mundial de 2018.

Rigobert Song – Camarões (1994, 1998, 2002 e 2010)

O ex-zagueiro camaronês esteve na sua primeira Copa com 17 anos, posteriormente, jogou mais três edições e tem um currículo que se confunde com a história da seleção camaronesa.

Dragan Stojkovic – Iugoslávia (1990 e 1998)

Com duas Copas no currículo, Stojkovic marcou três vezes pela da extinta Iugoslávia em Mundiais.

Aliou Cissé – Senegal (2002)

O ex-meio-campista marcou a histórica estreia de seu país na Copa do Mundo, em 2002, ajudando a equipe a ficar entre as oito melhores seleções de futebol do torneio.

Gregg Berhalter – Estados Unidos (2002 e 2006)

O zagueiro esteve com a seleção em duas Copas. Em 2002, ele foi um dos destaques na campanha até as quartas de final em um jogo disputado com a Alemanha.

Paulo Bento – Portugal (2002)

O ex-meio-campista participou da Copa de 2002. Depois, como técnico de seu país, em 2014, no Brasil.

Otto Addo – Gana (2006)

O ex-meio-campista pode estar na estreia da sua nação nos Mundiais, em 2006, quando Gana foi até às oitavas de final. 

Avatar of Maria Beatriz

Maria Beatriz

Maria Beatriz é formada em Jornalismo e letras. Segue produzindo pautas sobre tecnologia, finanças e Dinheiro.